na cidade

Vacinação no concelho de Oeiras está atrasada dois dias

Em causa está o atraso na entrega das vacinas por parte do Serviço Nacional de Saúde.
Começa no dia 10 de fevereiro.

O atraso na entrega das vacinas por parte do Serviço Nacional de Saúde fez com que o arranque da vacinação em Oeiras fosse adiado por dois dias. Em vez de ter começado na segunda-feira, 8 de fevereiro, tem início esta quarta-feira, dia 10.

O Pavilhão Carlos Queiroz já está pronto para a operação, com 12 postos de vacinação disponíveis — o dobro do que havia sido solicitado pelas autoridades de saúde. O presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Isaltino Morais, vai estar presente na abertura do Centro de Vacinação no dia do arranque, às 9 horas.

O espaço está dotado com todas as estruturas necessárias e serviços. No local estão dez computadores, 11 mesas, 80 cadeiras, duas cadeiras de rodas, 12 caixotes do lixo e dois contentores para resíduos contaminados. Além disso, durante o dia, existem uma ambulância no local, vigilância e uma equipa de limpeza.

O Município de Oeiras vai apoiar o Serviço Nacional de Saúde para arrancar com a vacinação no concelho, num investimento de 250 mil euros. Os beneficiários que integrem esta primeira fase de vacinação serão contactados por SMS pelos serviços de saúde e terão de responder em 48 horas se aceitam o dia e hora marcada para a toma da vacina.

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA