na cidade

Porto Salvo volta a receber esta mega exposição de LEGO (com mais de 6 milhões de peças)

Oeiras BRInCKa acontece de 25 a 28 de abril. Os visitantes vão poder ajudar a construir um mosaico de homenagem ao 25 de Abril.
São mais de mil metros quadrados dedicados aos Legos.

Foram considerados um dos objetos do século XX e são um dos poucos brinquedos que nunca levantou questões de género ou idade: a LEGO é para todos. As famosas peças de construção da nossa infância continuam a fazer sucesso não só nas brincadeiras em família, dentro de casa, como também em eventos de grande dimensão. São elas as protagonistas do festival Oeiras BRInCKa (um trocadilho com a palavra inglesa “brick”, que significa tijolo), marcado para o final de abril. 

Foi em 1932 que uma carpintaria familiar na Dinamarca começou a produzir brinquedos de madeira. Uns anos depois, em 1947, com maior facilidade para obter plástico, a criatividade levou a empresa a desenvolver um sistema de encaixe. As peças eram versáteis, permitindo replicar cenários reais e materializar mundos imaginários. Dezenas de anos e algumas gerações depois, os legos continuam a apaixonar miúdos e adultos. 

Prova disso é o sucesso que o Oeiras BRInCKa tem tido ao longo dos últimos anos. Assume-se como a maior exposição de construções em Lego de Portugal. Por isso, durante quatro dias, o Pavilhão dos Leões de Porto Salvo, será paragem obrigatória para todos aqueles que cresceram com a marca ou estão agora a descobri-la. 

E há muito para ver. É que a mostra reúne “mais de seis milhões de peças em construções fantásticas”, garante a organização. Há cidades em miniatura (uma delas com mais de 60 metros quadrados, com edifícios e arranha-céus, comboios em movimento e muito mais), viaturas, quartel dos bombeiros, réplicas de monumentos como o Cristo Rei, e outras temáticas do universo LEGO, com tudo aquilo que a imaginação permite construir com as diferentes peças, algumas com movimento e robótica.

Entre as construções estarão presentes temas que fazem parte da cultura popular como “Star Wars” ou a série” Friends”, com pormenores que prometem “deixar o público maravilhado”. Os visitantes vão poder conhecer centenas de criações, mas também ajudar a construir algumas. Os mais pequenos não podem perder as Playzones, com milhares de peças disponíveis para brincar e desenvolver a criatividade, além de poderem também participar em passatempos com prémios LEGO. 

Sendo um brinquedo que desperta paixões também nos fãs adultos, os visitantes vão ter a oportunidade de participar numa mega construção, com mais de 100 mil peças. Uma atividade interativa que já se tornou tradição do evento. Porém, este ano, o tema será especial.

Para celebrar o cinquentenário do 25 de Abril, a imagem do mosaico não podia ser outra: o símbolo da revolução, um cravo vermelho gigante, a representar a Liberdade. A peça comemorativa terá cerca de 24 metros quadrados e será construída ao longo dos quatro dias. 

Mosaico de homenagem ao 25 de Abril.

Depois do sucesso das edições de 2013, 2014, 2016, 2018, 2020 e 2022 (esta última com cerca de 30 mil visitantes), o Oeiras BRInCKa regressa este ano para felicidade dos fãs da LEGO. Por lá vai encontrar ainda a mascote, Pedrinha, em tamanho real, e o seu amigo capitão Rex, ambos construídos com peças LEGO. No recinto, estarão também à venda os conjuntos que permitem fazer construções semelhantes aos modelos expostos, assim como peças avulsas e as famosas mini figuras. 

A exposição estará aberta entre 25 a 28 de abril. Estará aberta entre quinta-feira e sábado das 10 às 20 horas e, no domingo, entre as 10 e as 18 horas. Os bilhetes já se encontram à venda online e nos locais habituais.

Custam 5€ para os miúdos entre os quatro e os 17 anos, assim como para seniores (mais de 65 anos). Os adultos pagam uma entrada de 7,5€. O pacote de família (que pode ser usado por grupos de amigos) inclui dois adultos e dois miúdos e tem o valor de 20€. Os bilhetes são válidos apenas para um dia.

Pode visitar o site do evento para mais informações, ou segui-lo nas redes sociais, como Instagram e Facebook. O evento é reconhecido e apoiado pela marca dinamarquesa. Com organização da PLUG (Portuguese Lego User Group) e do Clube Recreativo Leões Porto Salvo, conta com o apoio do Município de Oeiras, que contribuiu financeiramente com 15 mil euros ao Clube Recreativo Leões de Porto Salvo.

Carregue na galeria para ver algumas imagens da última edição.

ver galeria

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA