fit

O cheesecake de pêssego que pode comer à vontade sem sentir remorsos

É uma receita ainda com alguns passos, mas vai compensar: serve a família toda e sem abusar nas calorias.
Uma versão bem fit.

Quando pensamos em provar uma fatia de cheesecake, é normal que já estejamos a assumir que seja uma daquelas pausas nos cuidados com a alimentação. Mas é possível ter uma opção mais saudável para servir após a refeição.

Desta vez trazemos-lhe uma sugestão da página do Instagram “Panelinha de Sabores” de um cheesecake que não vai estragar a dieta neste final de verão. Sandra Nereu, autora da página, preparou uma versão saudável que foge ao padrão.

O pêssego é fonte de vitaminas (A e C), potássio e fibra e nesta época do ano costumam ser especialmente apetitosos. Percebe-se por isso a aposta da criadora de conteúdos numa receita que não é poupada em pêssegos. Aqui é acompanhado de uma receita onde tâmaras dão uma ajuda ao doce. Pode reforçá-lo com com um toque mais adoçante mas já sabe: evite açúcar refinado.

Esta é uma receita com duas etapas, já que é preciso trabalhara base e o recheio à parte. Não é sobremesa para todos os dias e a toda a hora, naturalmente. Mas é certamente uma opção mais segura (e menos calórica) do que alguns já feitos.  E vai saber bem o toque fresquinho após um almoço.

Do que precisa

Base
— 100g de flocos de aveia
— 100g de amêndoas (ou outro fruto seco oleaginoso)
— 100g de tâmaras secas

Recheio e cobertura
— 1quilo de pêssegos
— 150g de queijo creme para barrar
— 300g de iogurte grego natural light (ou queijo quark)
— 4 + 2 colheres de sopa de ingrediente adoçante que prefira (ex: agave, stevia, eritritol, mel, açúcar mascavado, etc)
— 11g de folhas de gelatina (6 a 7 folhas)

Como se faz

Comece por preparar o doce de pêssegos para que esteja frio no momento de usar. Descascar os pêssegos, cortar em cubos, levar ao lume com duas colheres de sopa de água e outras duas de ingrediente adoçante. Deixar ferver 20 minutos. Triturar grosseiramente. Separar e reservar 1/3 da quantidade para a cobertura. O restante voltar a triturar até estar puré fino e liso. Deixar arrefecer enquanto prepara a base.

Para a base, coloque todos os ingredientes num processador de alimentos (tâmaras descaroçadas e em pedaços) e triture até estar num crumble. Pressione no fundo duma forma untada e forrada a papel vegetal. De seguida, preparar o creme de queijo. Numa tigela misturar com o iogurte e o restante ingrediente adoçante. Hidrate as folhas de gelatina em água fria por três minutos. Escorra, adicione duas colheres de sopa de água e leve ao microondas 20 segundos para derreter. Junte ao puré de pêssegos liso e misture. Acrescente à mistura de queijo. Mexa levemente até estar homogéneo. Finalmente, verta sobre a base, leve ao frigorífico durante 6 horas. Pode servir com o doce de pêssegos reservado e pistachios picados, aconselha Sandra Nereu.

A NiT tem mais sugestões para lhe dar. De salame de chocolate a mousse de banana, passando por uma queijada gigante de laranja, há opções para todos os gostos. Carregue na galeria e descubra 12 sobremesas saudáveis (e deliciosas) para preparar em 5 minutos.

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA