fit

Entre no ritmo do paso doble e da kizomba para passar o sábado a dançar em Oeiras

A festa mensal da Trópico de Dança acontece na AERLIS no dia 15 de junho. Começa às 17 horas e só termina às três da manhã.
Para dançar a pares.

Uma vez por mês, o edifício da AERLIS, em Oeiras, abre as portas para um evento onde pode ficar 10 horas seguidas a dançar. As festas da Trópico de Dança são famosas entre os oeirenses que já têm experiência na área, mas estão também abertas a todos aqueles que queiram aprender os passos base de diferentes estilos de dança. 

O próximo evento acontece este sábado, 15 de junho. Começa às 17 horas e só termina às três da manhã. Ali poderá participar em dois workshops distintos, um realizado durante a tarde e outro ao início da noite. Pelo meio vai poder pôr em prática tudo o que aprendeu, lado a lado com pessoas que têm a mesma paixão.

Para começar, pode participar no workshop de iniciação ao paso doble com os professores Francisco Homem Cristo e Helena Jalles. A aula dura cerca de uma hora e meia, seguindo-se animação e um concurso relacionado com este ritmo.

A partir das 18h30, e ao longo de três horas, haverá música para poder praticar diferentes estilos de danças de salão, alternando entre latinas (chá chá chá, rumba, paso doble, samba e jive) e clássicas (tango, valsa vienense, valsa inglesa ou lenta, quick step e slow fox). 

Às 21h30 irá realizar-se o workshop de iniciação à kizomba, com o professor da Trópico de Dança, Bonifácio Aurio. Terá a duração de uma hora e meia, seguindo-se animação e um concurso relacionado com kizomba. A partir das 23 horas, cria-se de novo um ambiente festivo com música para dançar salsa, kizomba e bachata. Pode ir alternando de par, ao longo das quatro horas de duração. 

“Este é um evento onde os alunos praticam os passos de dança que aprendem nas aulas e onde se socializa com os colegas ou alunos de outras escolas. A festa é aberta também a quem queira levar amigos que não sabem dançar, mas querem participar. Até porque, mesmo quem é nosso aluno, pode não conhecer todos os ritmos” conta à NiO a responsável Luísa Sousa. 

Para quem gosta de ritmos variados, tenha ou não uma grande experiência, poderá marcar presença nos diferentes momentos e ambientes musicais, já que a entrada de 7€ dá acesso a todo o programa (pode comprar no local). Uma das diferenças desta para as anteriores festas é que, desta vez, não vai haver um jantar buffet. No entanto, poderá comer ou beber algo no bar do espaço, o que lhe permitirá continuar na festa, sem ter de sair do edifício. 

Para mais informações, pode contactar o número 965 150 867 ou o email tropicodedanca@nullgmail.com. O plano é que as festas se continuem a realizar, sempre no terceiro sábado de cada mês. O local é sempre o mesmo: o edifício AERLIS (Associação Empresarial da Região de Lisboa), em Oeiras.

A sede da Trópico de Dança está situada no número 59A, na Avenida Fundadores, em Paço de Arcos. Para conhecer melhor a escola pode consultar o site, onde encontra informação sobre os dias e horários das aulas deste ano e seguir as páginas de Facebook e Instagram para estar a par das novidades.

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA