cultura

José Rodrigues dos Santos vem a Oeiras a falar sobre livros

O jornalista e escritor é o convidado da próxima sessão de "Todos os Livros", marcada para dia 8 de novembro, quarta-feira.
O jornalista tem 59 anos.

Este ano, as Bibliotecas Municipais de Oeiras criaram uma nova rubrica ligada à literatura, com periodicidade bianual. “Todos os Livros” consiste numa conversa informal entre autores portugueses e o editor e escritor Jorge Reis-Sá. A primeira sessão aconteceu em fevereiro, com Raul Minh’alma como convidado. Oito meses depois, chega a segunda sessão e, desta vez, o convidado de honra é um rosto bem conhecido dos portugueses.

Apresenta o “Telejornal” na RTP1 desde 1991 e, a par com a carreira de jornalista, tem conquistado milhares de leitores ao longo dos últimos anos com os livros que publica. Entre ficção histórica, policiais e romances, José Rodrigues dos Santos já lançou mais de duas dezenas de obras que, muitas vezes, chegaram ao top de vendas nacional e tornaram-se verdadeiros bestsellers.

A sua mais recente obra, “O Segredo da Espinosa”, foi editada em outubro, pela Planeta. “Inspira-se na vida de Bento de Espinosa, considerado o maior filósofo português de sempre, e o inventor do mundo moderno. Uma aventura épica em busca de um segredo”, revela a sinopse. “Acompanhamos a vida de Bento de Espinosa, o maior filósofo português, e a sua busca proibida e perigosa por respostas. E se a Bíblia estiver mesmo errada? O que é a natureza? Quem escreveu os textos sagrados? Estas respostas têm um preço elevado. Acusado de heresia, expulso da Sinagoga Portuguesa em Amesterdão, Bento de Espinosa é perseguido até ao fim dos seus dias”, lê-se na apresentação da obra. 

José Rodrigues dos Santos é, então, o convidado da próxima sessão de “Todos os Livros” que vai decorrer no dia 8 de novembro, quarta-feira, pelas 21h30, na Biblioteca Municipal de Oeiras. A entrada é livre, mas sujeita à lotação da sala, por ordem de chegada. Por isso, caso não queira perder a oportunidade de assistir a esta conversa literária ao vivo, o ideal é chegar um pouco mais cedo para garantir o seu lugar.

José Rodrigues dos Santos nasceu em Moçambique, em 1964. Doutorou-se em Ciências da Comunicação e é professor na Universidade Nova de Lisboa. Trabalha como jornalista desde 1981 e já ocupou, por duas vezes, o cargo de Diretor de Informação da televisão pública. É um dos mais premiados jornalistas portugueses, galardoado com dois prémios do Clube Português de Imprensa e três da CNN, entre outros. Como romancista, já venceu o Prémio Bertrand de Ficção, o Prémio do Clube Literário do Porto, o Prémio do Portal da Literatura e o Prix Littéraire de la Lusophonie.

Jorge Reis-Sá nasceu em Vila Nova de Famalicão, em 1977. Fundou, em 1999, as Quasi Edições, que editou durante dez anos. Entre 2010 e 2013, foi editor na Babel e é, desde 2013, editor da Glaciar e consultor editorial de várias instituições e editoras. Na escrita, estreou-se em 1999 com um livro de poemas. Desde então tem publicado poesia, contos, crónicas e romances. Colabora desde essa altura com a comunicação social, tendo sido cronista da LER e da revista Sábado, entre outras publicações. 

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA