cultura

Coldplay, Taylor Swift e AC/DC: as novas canções para adicionar às playlists

Alguns dos maiores nomes da indústria musical apresentaram novidades esta sexta-feira, 21 de junho.
A banda britânica está de volta.

Há várias razões para esta sexta-feira ser um grande dia. Além de assinalar o início do fim de semana, é também a data em que vários artistas lançam os seus novos singles e álbuns. O dia 21 de junho fica marcado por novidades imperdíveis.

Os Coldplay acabaram de editar “feelslikeimfallinginlove”, uma nova canção produzida por Max Martin, conhecido por criar alguns dos maiores êxitos pop da história da música. Já colaborou com Katy Perry e Taylor Swift, por exemplo.

Este single é a primeira amostra do décimo álbum da banda britânica, “Moon Music”, que tem lançamento previsto para 4 de outubro. O álbum, anunciado no início desta semana, marca uma nova fase no que diz respeito à sustentabilidade dos materiais utilizados para criar o objeto em si, com cada disco a ser produzido com 100 por cento plástico reciclado (nove garrafas por cada).

Os AC/DC também trazem novidades. A banda deu o primeiro concerto a 31 de dezembro de 1973, no Chequers Nightclub em Sydney, Austrália. Passados 50 anos, deixaram os fãs em delírio ao anunciar uma nova digressão europeia, intitulada Power Up, para o verão deste ano — infelizmente, não passará por Portugal.

Para celebrar as mais de cinco décadas de história, a Columbia Records/Legacy Recordings anunciou que o catálogo da banda estará disponível em vinis dourados, de edição limitada, que vêm com um print 12×12 do álbum, com novos grafismos da campanha AC/DC 50.

Esta sexta-feira, 21 de junho, chegam também às loja seis dos trabalhos mais populares do grupo australiano: “If You Want Blood You’ve Got It”, “Let There Be Rock”, “Ballbreaker”, “Stiff Upper Lip”, “Rock Or Bust” e “’74 Jailbreak”. Custam cerca de 30€, dependendo do vinil escolhido.

Gracie Abrams também tem novidades. É uma das artistas norte-americanas mais promissores da atualidade, graças aos seus temas melancólicos — e também por ser filha de J. J. Abrams (realizador de alguns filmes da saga “Star Wars”) e ter aberto os espetáculos de Taylor Swift nos Estados Unidos.

O disco “The Story Of Us”  tem, inclusive, uma canção com a cantora que deu dois concertos esgotados no Estádio da Luz, em maio passado. Chama-se “us.” e é uma das poucas colaborações da carreira de Swift.

 

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA