cultura

Café dos Poetas: as tertúlias de poesia de Oeiras que pode ver em casa e sem pagar

A primeira sessão acontece na segunda-feira, 19 de abril. O evento será transmitido em direto.
Iniciativa faz parte do MAP - Mostra de Artes da Palavra.

Chama-se Café dos Poetas e é uma plataforma maravilhosa de tertúlias de poesia. “Um lugar de conversa, partilha e divulgação da palavra”, define a própria iniciativa, que terá dez sessões sempre com três convidados ligados à poesia e escrita, e um músico.

O anfitrião é Nuno Miguel Guedes, jornalista, argumentista, letrista, membro regular do colectivo Lisbon Poetry Orchestra e apresentador dos encontros de poesia Poetas do Povo. As conversas irão abordar temas como Cesário Verde, Clarice Lispector, Novos Novos, Revistas Literárias, As Pessoas do Pessoa, Cesariny VS Pacheco, Independência ou Morte.

A primeira sessão acontece no dia 19 de abril, uma segunda-feira. Com o tema “O Sentimento de um Ocidental —Cesário Verde”, conta com os convidados Fernando Pinto do Amaral, Teresa Coutinho, Diana Costa e Silva, e Filipe Valentim.

O mistério do génio Cesário Verde, um empregado de comércio da Baixa de Lisboa que se transforma num dos maiores poetas da modernidade, é o tema desta sessão. De acordo com a organização, o conceito destas tertúlias é o de “poesia de proximidade” — uma forma de divulgação cultural de forma informal, interativa e próxima do público.

O projeto está inserido no festival MAP – Mostra de Artes da Palavra e decorre até ao dia 12 de junho, data da décima tertúlia. O Café dos Poetas será captado e transmitido em direto em formato online, e com entrada gratuita.

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA