cultura

Alice no País das Maravilhas chega em dezembro a Paço de Arcos — e vem de patins

O espetáculo de patinagem artística irá realizar-se entre 18 e 20 de dezembro no Clube Desportivo de Paço de Arcos.
Uma forma diferente de conhecer a história infantil.

Convide a família, fale com os miúdos e marque na agenda: nos dias 18, 19 e 20 de dezembro há um espetáculo para ver no Clube Desportivo de Paço de Arcos (CDPA). Trata-se de um clássico infantil que, desta vez, chega ao público com uma particularidade especial: ao teatro junta-se patinagem artística. Falamos de “Alice no País das Maravilhas em Patins”. Pois é, desta vez a história conta-se com música, coreografia, ritmo e muitas proezas.

“Este ano decidimos realizar este grande espetáculo de forma a proporcionar ao público da nossa zona momentos de animação que juntam arte e desporto”, garante a equipa. É a primeira vez que o CDPA realiza um espetáculo desta dimensão, tendo anteriormente realizado as suas festas de Natal anuais.

E, como em qualquer história infantil, tudo começa com “Era uma vez…”. Todos conhecem o caso da menina que gostava de ler e que, um dia, numa dessas sessões de leitura, ficou curiosa com um pequeno coelho branco e decidiu segui-lo, até embarcar numa aventura pelo país das maravilhas, cheio de cor e loucura. É na amizade que Alice reúne forças para descobrir que a única maneira de regressar a casa é através do poder da imaginação. E é neste ambiente mágico e fantástico que o espetáculo irá também decorrer.

Para isso, conta com um elenco de luxo. Além dos patinadores da escola de patinagem artística do Clube Desportivo de Paço de Arcos, vão participar também cinco atletas do Grupo Desportivo Almargense, Beatriz Rilhas, Leonor Duarte, Sara Oliveira, Rita Fernandes e Guilherme Sousa e uma atleta individual de Lisboa, Mariana Gonçalves.

Leonor Duarte (vice-campeã solo dance a nível nacional), Guilherme Sousa (vice-campeão nacional de solo dance, campeão de patinagem livre e campeão da Taça da Europa em solo dance) e Francisco Gonçalves da CDPA (campeão de solo dance a nível nacional e vice-campeão da Europa) são atletas da seleção nacional 22.

Juntos, vão tornar este espetáculo inesquecível, já que a patinagem artística é um desporto que requer muita técnica, concentração, equilíbrio, precisão, talento e estética. “Logo que iniciada qualquer exibição, os mais elementares passos de ligação entre figuras obedecem a regras, com o objetivo de obter harmonia entre os elementos, quer sejam piões, saltos, etc, e expressar e interpretar a música por movimentos adequados”, garantem os responsáveis da modalidade do Clube. 

Esta modalidade foi criada no Clube Desportivo de Paço de Arcos em 1974/75. A sua prática registou desde logo um grande interesse por parte do público e ganhou um elevado número de adeptos, que só não foi maior devido ao elevado custo de material necessário. A partir de 1992 transformou-se numa força de respeito, principalmente nos escalões jovens.

Gradualmente, a Patinagem Artística atingiu um elevado nível técnico, colocando o CDPA nos maiores clubes de Portugal. Nos últimos anos, o Paço de Arcos alcançou resultados que considera de excelência, e que ainda não tinha obtido nos seus muitos anos de existência, como títulos individuais e coletivos, que representam o culminar de um trabalho em constante desenvolvimento.

Vão realizar-se quatro exibições desta “Alice no País das Maravilhas em Patins”. No dia 18 de dezembro, domingo, às 21 horas, no dia 19 de dezembro, segunda-feira, há sessão dupla às 15 e às 21 horas, e na terça-feira, dia 20, o espetáculo está marcado para as 15 horas. É um excelente programa para entreter os miúdos que estarão de férias nessa semana. 

Os bilhetes custam 5€ para o público em geral, mas apenas 3,50€ se for sócio do Clube Desportivo de Paço de Arcos, ou se reservar para grupos maiores de dez pessoas. Para comprar ou reservar pode enviar um email para cdpa.patinagem@nullgmail.com, ligar para o número 939 058 055 ou fazê-lo através deste formulário online. O espetáculo irá decorrer no espaço de CDPA, na Av. Eng. Bonneville Franco, em Paço de Arcos.

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA