cultura

“Cultura: 1% interessante”: a tertúlia que não vai querer perder

O mestre em artes visuais Adolfo Gutkin, o ator Pedro Cardoso e Jorge Barreto Xavier vão marcar presença. A entrada é livre.
O ator brasileiro Pedro Cardoso é um dos convidados.

Já não é novidade que o concelho de Oeiras tem uma agenda cultural sempre recheada de eventos. É um dos focos da autarquia proporcionar novas e interessantes alternativas para os munícipes ocuparem o seu tempo, principalmente depois de ter sido entregue a candidatura a Capital Europeia da Cultura, no passado mês de novembro.

É neste sentido que não se pode esquecer de marcar na sua agenda a próxima tertúlia do Teatro Independente de Oeiras. Sob o tema “Cultura: 1% de Interessante”, os convidados vão reunir-se para debater a importância da cultura na sociedade, mas também a necessidade de a tornar acessível a todos.

Se ficou curioso, basta ir no dia 13 de dezembro, segunda-feira, pelas 21 horas, até ao Edifício Parque Oceano, na Rua Dr. José Joaquim de Almeida, em Santo Amaro. É lá que o Comissário da Candidatura de Oeiras a Capital Europeia da Cultura Dr. Jorge Barreto Xavier, o Mestre em artes visuais Adolfo Gutkin e o ator Pedro Cardoso se vão reunir. A conversa vai estar a cargo de Carlos d’Almeida Ribeiro, diretor da companhia. 

Recorde-se que Adolfo Gutkin é um encenador argentino, residente em Portugal. Entre 1969 e 1973, dirigiu o grupo de teatro da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, criando variados espetáculos, chegando a tornar-se membro de honra da Associação Académica. Foi perseguido pela PIDE e expulso de Portugal, mas acaba por regressar em 1980. Fundou o Teatro do Mundo com sede no Teatro Aberto.

No ano seguinte a ter regressado à capital, Adolfo apresentou à Fundação Calouste Gulbenkian o projeto IFICT, isto é: sugeriu a criação do Instituto de Formação, Investigação e Criação Teatral. O objetivo a atingir era a formação de quadros culturais e técnicos teatrais para as ex-colónias portuguesas em África. Apoiado pelo Fundo Social Europeu, conseguiu tornar-se diretor deste programa em 1982.

Pedro Cardoso, também ele um dos convidados desta tertúlia, já deve conhecer. É um ator, roteirista, autor e humorista nascido no Rio de Janeiro e que já conta com bastantes prémios pelo seu trabalho em televisão e no cinema. A entrada para este evento é livre, consoante confirmação através do email da bilheteira do teatro. Caso não possa comparecer, não se preocupe: pode ver a transmissão em streaming

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA