cultura

Há uma nova exposição sobre signos chineses para ver no Oeiras Parque

A mostra do artista Ai Weiwei está no piso 2 do centro comercial até ao dia 5 de novembro.
Procure o seu signo chinês.

O Oeiras Parque é conhecido pelas exposições e instalações artísticas sobre vários temas, desde a poluição nos mares, até ao signo chinês de cada um. E é precisamente este o tema da nova exposição, que está neste momento no piso 2 do centro comercial e que pode ver visitada até dia 5 de novembro, sexta-feira.

A “Zodiac Circle of Animals” foi criada com base na obra icónica do artista chinês Ai Weiwei e o objetivo é que cada um fique a conhecer a simbologia por detrás de cada um dos 12 animais do zodíaco chinês. Os interessados conseguem saber um pouco mais sobre características específicas e traços de personalidade que correspondem a cada animal e, por sua vez, a cada pessoa.

Segundo uma lenda antiga, estes signos surgiram quando o Buda convidou todos os animais da criação para uma festa de Ano Novo. Porém, só apareceram 12 convidados, sendo recompensados com um ano de acordo com a ordem de chegada. Essa ordem ficou determinada da seguinte maneira: Rato, Boi, Tigre, Coelho, Dragão, Cobra, Cavalo, Cabra, Galo, Macaco, Cão e Porco. 

A iniciativa está ligada à exposição “Rapture”, a primeira em Portugal do mesmo artista, exposta na Cordoaria Nacional. Trata-se da maior mostra de sempre realizada na Europa e conta com 4000 metros quadrados. Até ao dia 28 de novembro, poderá ver as 85 obras reunidas, que se dividem entre esculturas em grande, média e pequena escala, assim como vídeos, filmes e fotografias.

Se visitar a exposição do Oeiras Parque, pode ganhar dois bilhetes para ir à Cordoaria Nacional, em Belém. Para isso, só tem de visitar a página de Instagram do Oeiras Parque, fazer gosto no post do passatempo, comentá-lo com uma frase criativa sobre o seu signo chinês e identificar um amigo nos comentários. A data limite para participar é o dia 5 de novembro, sexta-feira. Os vencedores serão anunciados no dia 9 de novembro, terça-feira.

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA