compras

Sabia que pode encomendar online cadernos personalizados e cosidos à mão?

A mentora deste projeto vive em Porto Salvo e dedica-se a fazer handmade papergoods para todos os gostos.
Cada caderno é único.

Quando nos deparamos com a página de Instagram da 4tea9_studio não conseguimos ficar indiferentes às cores e aos desenhos que ali aparecem. É tudo bonito. Os cadernos feitos por Susana Dionísio, 50 anos, têm um desenho simples, requintado e, que de alguma forma, nos é familiar. Tudo parece fazer sentido naquelas capas, que nos incentivam a preencher as folhas a branco com as nossas notas mais preciosas.

Susana vive em Porto Salvo, Oeiras, há 16 anos, e foi aqui que deu força à sua paixão de handmade papergoods, que é como quem diz, fazer o desenho e coser cadernos à mão. “Gosto muito de papel, do toque, da textura, da cor. E desde sempre quis ver este projeto gráfico concretizado. Impresso ou ilustrado/pintado diretamente em cartão, o trabalho e as técnicas de encadernação manual, os saberes orientais e a minúcia da arte de trabalhar em papel e tudo isto como formas de dar vida a um objeto que se torna útil para alguém”, revela a designer.

Para dar asas à imaginação.

Há cerca de um ano que esta designer se dedica a esta aventura de fazer cadernos para todos aqueles que querem ter algo personalizado e que tenha o valor do tempo que alguém lhe dedicou. “Lembro-me sempre de fazer coisas em papel, de gostar de fazer as maquetes do meu trabalho como designer, de gostar de dobrar papel, de adorar catálogos com as suas diferentes tipologias, cores, gramagens e texturas”.

Para já, Susana vende apenas os cadernos em formatos A5 (6,90€ + despesas de envio) e também A6. Pode escolher os modelos e encomendar através da página oficial de Facebook

A designer quer explorar outras peças gráficas no futuro, como agendas anuais e agendas temáticas, calendários, cartões e envelopes. Todos os produtos que faz podem ser personalizados, e todos pressupõem um tipo de produção que alia o design gráfico e a impressão ao cuidado manual. “E isto torna sempre únicas todas as peças e acrescenta-lhes valor”, sublinha.

Mas de onde lhe vem a inspiração para todas estas peças? “A capa de um caderno tem uma versatilidade quase infinita em termos criativos. Isso é um estímulo e um desafio constantes. Há imensas ideias que quero experimentar e há temas que me interessa explorar. Comecei pelos azulejos que trazem logo o conceito de padrão, depois os temas florais, há algumas imagens ligadas à iconografia portuguesa que também me parecem interessantes, há letterings, há dobragens e recortes que o papel permite, há a cor e muito mais”.

Susana Dionísio conta lançar um site com loja online dentro de algumas semanas. Com uma montra ainda mais variada dos seus trabalhos.

Os cadernos cosidos à mão com temas florais.
tags: cadernos, design, handmade papergoods, loja online, novidade nio, oeiras, papelaria, porto salvo