compras

Royal Way lançou uma nova coleção de biquínis para mulheres com corpos reais

A marca oeirense já está pronta para o verão. Ao todo há 20 modelos à sua escolha.
A coleção "Summer Fling".

A New in Oeiras já lhe tinha falado da história da Royal Way, a marca de acessórios, vestuário e swimwear fundada por Luísa Ferreira dos Santos. A jovem, de 23 anos, é apaixonada por moda desde sempre tanto que depois de uma licenciatura em Gestão Hoteleira, decidiu ingressar numa pós-graduação em Marketing e Comunicação.

Foi nessa altura que criou a marca, que começou com uma coleção de bijuteria. Entretanto, lançou um catálogo de roupa para mulher e homem e começou a apostar em swimwear. Agora, chega mais uma novidade: a nova coleção de biquínis “Summer Fling”, lançada no passado dia 15 de abril.

“Como a coleção de biquínis do ano passado correu tão bem, quisemos continuar a investir nesta área e a trazer a qualidade e exclusividade da marca para mais uma coleção”, conta à NiO.

Ao todo são 20 os modelos que pode escolher. O processo criativo teve início em janeiro, quando se começou a idealizar o design das peças. “Para esta coleção apostámos muito na simplicidade e elegância, nas cores sólidas e sem padrão, para realçar o formato do biquíni em si. Priorizámos o uso de brilhantes e cores pastel inspirados na primavera”, explica Luísa. 

A sessão fotográfica, realizada na Arrábida, contou com modelos com corpos reais. Segundo a fundadora da marca, “a nossa ideia é sempre garantir a inclusão de todo o tipo de corpos, porque a nossa marca é baseada na inclusão de todas as mulheres. Quisemos representar isso fotografando corpos de mulheres do dia a dia”. 

Os preços dos biquínis variam entre os 45€ e os 55€. Pode comprar as suas peças favoritas através da loja online. O evento de lançamento da nova coleção acontece este sábado, dia 7 de maio, numa sunset party no espaço Eat Pray Love, em Lisboa. Nesse dia será também apresentada a coleção de chapéus de crochet que a Royal Way criou em parceria com a marca Crochena. 

Uma das propostas.
 

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA