compras

Lidl vai deixar de vender sacos de plástico

Com esta decisão, haverá menos 25 milhões de sacos em circulação.
Em prol do ambiente.

A cadeia de supermercados Lidl Portugal vai deixar de vender sacos de plástico em todas as lojas, incluindo em Oeiras. Segundo a empresa, a medida começa a ter efeito na zona norte já a partir de maio, estendendo-se depois, progressivamente, ao resto do território.

De acordo com a cadeia alemã, citada pelo jornal “Sol“, com esta decisão o Lidl Portugal deixa de vender 25 milhões de sacos de plástico.

O grupo explica que a alteração surge na sequência de um projeto-piloto que decorreu em 12 lojas no verão passado, “onde a empresa testou a aceitação da medida, tendo obtido resultados muito positivos”.

O Lidl torna-se assim na primeira cadeia de supermercados de Portugal a tomar esta atitude, em prol do ambiente. Em alternativa, serão vendidos sacos de papel em dois tamanhos, médio e grande, a 10 e a 14 cêntimos, respetivamente. Até ao final do ano, todas as lojas deverão estar livres de sacos.

Na passada semana, a Inditex anunciou também que iria abandonar os sacos de plástico cedidos aos clientes nos saldos da Zara em Portugal.

tags: ecologia, lidl, oeiras, plástico