compras

Guarde os vestidos compridos. No outono, as bainhas vão continuar subidas

O uniforme para os próximos meses não vai manter as pernas escondidas. Vai, por outro lado, destacar as nossas botas favoritas.
Vai ser mais fácil despedir-se do verão.

Com o fim do verão, a tendência repete-se. Muda-se a estação, as bainhas descem e os decotes sobem. O processo torna-se tão automático que nem sequer pensamos em forma de fugir às regras. Abandonar os calções e as T-shirts é algo inevitável, mas os vestidos curtos — por mais estranho que pareça — merecem marcar presença nos nossos outfits na transição para os dias mais frios.

O segredo está, pois claro, na escolha dos materiais. Não podemos continuar a apostar na leveza do linho e do cetim, mas há opções que nos deixam mais quentes. E não é preciso esconder as pernas, que ainda mantêm o bronze dos dias passados na praia.  Destacam-se opções em tencel, malha ou até feitas com lã, por exemplo, como os sweater dresses.

Um exemplo que resulta bem nos dias mais quentes, mas também nos tempos que se aproximam, é o vestido camiseiro. Também conhecido como vestidos chemise, reinterpretam a camisa masculina e são um sucesso devido à sua versatilidade. Com uma manga comprida, são o look ideal para regressar ao trabalho.

Além disso, as botas altas, um modelo que andava fora dos radares da indústria nos últimos tempos, tem regressado com força ao nosso closet. Os seus níveis de estilo vão ser elevados a outro patamar — desta vez, literalmente. Quanto ao desafio de saber como combiná-las num look, há uma aposta sempre segura: um bom vestido curto.

Com o início das semanas da moda, como a de Copenhaga, na Dinamarca, algumas das maiores influencers do mundo partilharam fotografias de looks seus compostos por visuais vibrantes, mais outonais. Não descartaram os vestidos curtos da equação, combinando-o com sapatilhas e botas. Temos o uniforme para os próximos meses.

Reunimos alguns dos vestidos curtos que estão à venda em Portugal e que pode combinar com botas altas para arrasar durante o outono. Carregue na galeria para conhecer as nossas sugestões.

ver galeria

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA