compras

As velas mais originais e bonitas estão de volta à i9Arte

Este negócio é gerido por duas irmãs que utilizam o crochet da avó para criar padrões diferentes.
Nenhuma é igual à outra.

Atualmente é cada vez mais importante saber reutilizar objetivos e dar-lhes uma nova vida apesar do seu primeiro propósito já ter sido cumprido. Hoje em dia, tudo é bonito e pode vir a servir de decoração mais tarde. Por exemplo, os copos de iogurte que são feitos de vidro podem ser utilizados para colocar pulseiras ou colares que não usa regularmente e as velas, quando acabam, devem ser bem limpas e depois disso servem para muita coisa. Se calhar, nunca pensou em colocar cotonetes e algodão, mas é uma ótima forma de dar outro ar à sua casa de banho. 

Por isso, quando compra uma vela também não a vai usar até ao fim e deitar fora. Pense em alternativas criativas e torne o seu lar num espaço acolhedor com pequenos apontamentos que fazem toda a diferença. Um desses detalhes talvez possa ser a vela Francisca da marca oeirense i9Arte. O regresso era já muito esperado e vai ter de se despachar a comprar a sua porque o produto pode esgotar. No entanto, deve estar curioso para perceber de onde vem o nome “Francisca”.

“D. Francisca do Espírito Santo, Sra. nossa avó, era eximía na arte do crochet. Toalhas, pegas, naperons, cortinados eram religiosamente guardados e trancados num baú, longe da vista das visitas, não fosse alguma querer levar uma destas relíquias. Tal era impensável para a D. Francisca: oferecer um naperon ao qual dedicou horas sentada na sua poltrona à janela, rodeada de plantas e por um gato antipático, o único espectador autorizado. De tempos a tempos, quando achava que a sua hora estava próxima, abria o baú e um cheiro intenso a cânfora inundava a sala. Nesta altura passava horas a mostrar o crochet. Todos tinham sido feitos para algum ou alguma felizarda, o que é certo é que nunca chegaram ao destino”, lê-se numa publicação na página de Instagram da i9Arte.

Estas velas muito especiais são feitas de forma artesanal e em cera de soja com um vaso interior em gesso. O padrão é conseguido através da utilização de barro e as pegas que lhe dão um toque de outono são de madeira de oliveira. Os aromas que existem vêm diretamente da Irlanda e pode experimentar três: o emadeirado e quente que se chama “Egyptian Amber”, o cítrico e fresco “Amber & Citrus” e, por fim, o suave e floral com um toque de baunilha, “Dreamy Days”.

São muito originais.

Caso esteja interessado, existem dois tamanhos diferentes de velas para escolher. O pequeno custa 17€ e o grande é de 25€. Relativamente a este negócio, já lhe contámos que é da responsabilidade das irmãs Tânia e Patrícia e surgiu em 2013. Formadas em Psicologia e Relações Públicas, quiseram construir peças sustentáveis e utilizar materiais que já existissem para transmitir tradições, memórias e vivências.

“Utilizamos várias técnicas de carpintaria, olaria e serigrafia. Cada produto tem uma técnica ou várias associadas.” Para fazer a sua encomenda pode entrar em contacto com a marca através da página de Instagram. O stock é reduzido, por isso, não perca a oportunidade de fazer a sua encomenda.

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA