compras

A nova coleção de acessórios da Paloma vai compor os seus looks de praia e de festa

Os detalhes são o mais importante para a marca oeirense, que vende colares, pulseiras, brincos e anéis.
Acessórios originais.

Costuma dizer-se que o que é bom merece ser partilhado. Talvez por isso Cristina Gonçalves, ao pôr em prática a ideia de desenvolver uma linha de acessórios de moda, tenha decidido convidar a amiga Telma Ferreira para fazer parte do projeto. Foi assim que no verão de 2020 nasceu a Paloma.

O nome é inspirado nas mulheres espanholas, “que capricham na hora de se arranjarem”, comenta Telma. “Culturalmente são diferentes das portuguesas a esse nível, preocupam-se muito com os looks que criam, têm sempre um detalhe diferente”, acrescenta. Para estas duas amigas, muito atentas a pormenores, são realmente os detalhes que fazem diferença em qualquer look. 

Cristina e Telma, de 48 anos, vivem ambas em Oeiras e apesar de trabalharem em áreas diferentes — Cristina é professora no Colégio Militar e Telma é tripulante da TAP — partilham a paixão pelos acessórios de moda e a vontade de fazer crescer a marca que criaram. Para isso, têm vindo a lançar regularmente novas coleções, com peças originais, para tentar agradar a todos os gostos, tais como os brincos assimétricos da última coleção. Em maio, apresentaram peças novas para este verão e há várias propostas de colares, pulseiras, brincos e anéis.

Todas elas são peças versáteis, que combinam com qualquer tipo de look. Pode usá-las, por exemplo, no dia a dia para completar um outfit profissional ou com roupa mais descontraída para um dia de praia. Estes acessórios são o pequeno — grande — detalhe que vai fazer toda a diferença se utilizados a acompanhar um vestido monocromático, num evento mais formal ou numa festa, como é o caso dos brincos na fotografia abaixo. Vão ser eles os protagonistas do seu look. 

“A ideia é criar uma linha clássica, que se mantenha intemporal, mas com cor, sempre muita cor”, conta Telma. Independentemente da estação do ano, cor não falta nas peças da Paloma, mas no verão o conceito é reforçado, até porque esta é a época em que, por excelência, se verifica uma subida nas vendas. “O nosso boom é o verão e depois seguimos em alta até ao Natal”, remata.

Os brincos são um acessório perfeito para completar qualquer look.

E porque as peças da Paloma “ficam bem em qualquer mulher”, as responsáveis quiseram torná-la numa marca acessível a todas as clientes, “Queremos que a Paloma seja uma marca para todos os bolsos. Queremos dar acesso ao diferente”, afirma Telma. E assim é. Todas as peças custam menos de 15€. 

Pode encontrar a marca no Instagram e também em alguns mercados de rua, entre Oeiras e Cascais. “Somos de Oeiras e para nós é importante concentrarmo-nos no comércio local”, garante a empreendedora. Os mercados são, para a marca, importantes espaços de contacto com os compradores. É ali que recebem o feedback do público, onde percebem quais as peças com mais saída ou as combinações que mais agradam às clientes.

E uma coisa é certa, a Paloma vai sempre ao encontro do desejo das mulheres. “Se as clientes gostam de um fio, mas querem-no com um pendente diferente, nós mudamos. Nos mercados acontece muito, a cliente comenta a preferência, nós dizemos-lhe para dar uma volta no mercado e voltar passados dez minutos, que a peça vai estar tal e qual ela quer”, revelam.

Carregue na galeria para conhecer algumas das peças da nova coleção da Paloma e os respetivos preços.

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA