comida

Tem 10 dias para comer dezenas de francesinhas em Oeiras

O festival acontece no interior do Palácio Marquês de Pombal, a partir de 11 de outubro, com vários restaurantes do Porto.
Há dezenas de francesinhas para experimentar.

A partir de 11 de outubro, Oeiras vai ser a capital da francesinha. O Palácio Marquês de Pombal recebe durante 10 dias um evento com vários restaurantes do Porto a preparar a especialidade. A entrada no festival é livre: só paga as francesinhas que comer. Este ano há uma variedade especial em que o molho é preparado com vinho da região.

É no restaurante Sandinha, uma estreia neste tipo de eventos, que a poderá provar. Neste conceito, as francesinhas são comidas à mão, não precisa de faca e garfo. Há ainda mais três restaurantes da cidade do Porto que vão estar a servir o típico prato. São eles o Alicantina, a Alfândega d’Douro e a Cufra, que tem uma versão vegan.

O espaço será coberto e tem capacidade para 400 pessoas sentadas. O espaço onde os restaurantes estão a preparar os pratos está decorado com imagens típicas da cidade do Porto. O Festival da Francesinha vai estar a funcionar durante a semana entre o meio-dia e as 15 horas, e aos jantares das 18 às 22 horas.

Sábado e domingo o horário será seguido, entre o meio-dia e as 23 horas. O preço das francesinhas varia entre os 9€ e os 12€. Não existe bilhete de compra antecipada, é tudo adquirido no espaço.

tags: festival, francesinhas, oeiras, Palácio Marquês de Pombal