comida

Pague 12€ e coma toda a picanha que conseguir no novo restaurante de Oeiras

Além do all you can eat de carne, tem a opção de juntar bebida à discrição. Vai ser uma loucura.
A picanha é servida as vezes que quiser.

As obras estavam a terminar, mas os responsáveis ainda não tinham nome para o projeto. Tudo mudou assim que comeram as primeiras fatias de carne. “Depois de termos experimentado a nossa primeira picanha a minha namorada disse a brincar: ‘esta picanha sabe a ouro’. Foi assim que decidimos o nome do projeto”, explica à NiT João Rodrigues, de 22 anos.

Juntamente com a namorada, Catarina Sousa, 20 anos, o casal abriu o Picanha d’Ouro a 29 de dezembro na zona de Queijas, em Oeiras. Este é mais um conceito com picanha all you can eat. Ou seja: paga 12€ e pode comer as fatias que bem entender durante toda a refeição.

“Já tinha trabalhado em restauração nos negócios do meu pai. Foi daí que surgiu esta ideia de abrir o nosso próprio restaurante. A minha namorada era estudante, mas em conjunto e com ambição decidimos ir para a frente com esta ideia”, acrescenta.

Além das fatias de picanha, o preço fixo do menu dá direito aos vários acompanhamentos: arroz, batatas fritas, salada e feijão. Também à discrição, mas em modo all you can drink, está disponível um menu com todas as bebidas que quiser. Custa mais 8€.

“Decidimos optar por ter poucos pratos porque queremos que o principal seja a qualidade de todos e que as pessoas optem pela picanha.” Outras das opções do menu passam pelo salmão grelhado, os lagartos de porco preto, os bifinhos de frango e até um hambúrguer vegetariano.

O restaurante Picanha d’Ouro tem capacidade para 32 clientes, todos no interior. Neste momento, apenas são servidos jantares, entre as 19 horas e as 23h30. As reservas podem ser feitas por telefone ou através de mensagem privada na página de Instagram.

“Os nossos objetivos enquanto marca passam essencialmente por motivar e influenciar mais jovens como nós a terem ambição e coragem para conseguir seguir em frente com os seus negócios”, explica João Rodrigues.

E quem sabe não vão existir mais restaurantes desta nova marca noutras cidades do País. “Enquanto jovens gostamos de sonhar alto e o nosso objetivo para este projeto é que seja bem sucedido, consigamos abrir muitos mais e criar uma cadeia.”

Carregue na galeria para conhecer outros novos restaurantes com picanha à discrição que merecem a sua visita.

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA