comida

Os leitores decidiram: esta é a melhor esplanada de Oeiras

Oito espaços do concelho foram a votos para sabermos qual o favorito dos moradores. Foi uma luta renhida.
Já sabe qual é?

Por causa da pandemia, 2020 ficou marcado pelo encerramento de vários negócios, mas também pela abertura de espaços de restauração focados no take-away e delivery — ou com belíssimas esplanadas. O concelho de Oeiras viu nascer vários espaços assim ao ar livre.

Alguns têm cartas viradas para refeições rápidas, outros são ideais para beber um cocktail ao final do dia. Mas, com o final da primavera, são todos ideais para desconfinar. Escolhemos espaços em jardins, perto da praia, e com decorações bem originais, e lançámos a questão: qual a melhor esplanada do concelho?

Os leitores da New in Oeiras votaram naquele que é o seu favorito para almoçar, beber um café ou uma cerveja fresquinha nos dias mais quentes. Os votos foram contados até esta segunda-feira, 14 de junho, e já temos o grande vencedor.

O Quiosque dos Poetas arrecadou 43,4 por cento dos votos. Seguiu-se o Bahia Beach Club, com 16,4 por cento. E, a completar o pódio, ficou o Kiosk, com 16,1 por cento dos votos dos nossos leitores.

O vencedora da votação abriu no dia 1 de novembro de 2020, mas rapidamente se viu obrigado a fechar devido ao segundo confinamento. O espaço está a ser explorado por Paula Paiva, uma produtora oeirense de televisão de 54 anos.

“Estava à procura de um novo projeto e o meu companheiro é da área da restauração. Vimos o quiosque e, em janeiro, concorremos. Era mesmo aquilo que pretendíamos, um espaço pequeno, ao ar livre, e num jardim, e é perto de nossa casa”, contou-nos por altura da inauguração.

O quiosque encontra-se na Fase 2 do Parque dos Poetas, junto ao Templo da Poesia. A entrada mais próxima é a da rua da Gazeta de Oeiras. A zona de esplanada tem capacidade para 40 pessoas, divididas em dez mesas, com o devido distanciamento por causa da pandemia.

A ementa é típica de um café e snack bar, com produtos da época e, sempre que possível, biológicos. Há empadas do Alentejo, saladas, tostas (atum, salmão ou mista), um bolo caseiro do dia (vendido à fatia), quiches, pastéis de nata, muffins e sumos naturais.

No dia 5 de abril, como a maior parte das esplanadas do País, reabriu e conta já com o horário de verão em vigor, assim como a ementa. No menu encontra iogurte com granola, mel e fruta fresca (3,80€); uma salada rica para o almoço, diferente todos os dias e que pode acompanhar empadas, quiches, ou tostas (4€); tábuas de charcutaria e queijos portugueses (17,50€); e uma sangria especial de vinho verde (15€).

“Queremos ser um quiosque cada vez mais sustentável e reduzir o consumo de plástico e água engarrafada, para isso instalámos um sistema de purificação de água da torneira e desafiamos os nossos clientes, amigos e utentes do parque em geral a fazer o refill das suas garrafas pessoais com água da torneira filtrada, sem cloro e alcalina”, explica-nos a proprietária. 

O espaço abre às 10 horas e o horário já foi alargado até às 19 horas. Nas noites mais quentes de verão, o espaço estará aberto até às 22 horas.

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA