comida

Na primeira semana de festival comeram-se quase 5 mil francesinhas em Oeiras

Até este domingo, 2 de outubro, pode provar as francesinhas que quiser no Jardim Municipal de Oeiras.
Ainda vai a tempo de experimentar.

O Festival de Francesinhas chegou a Oeiras no dia 22 de setembro, quinta-feira, para felicidade de todos os apreciadores desta iguaria típica portuense. Uma semana depois, está confirmado o sucesso que o prato faz entre os oeirenses, já que foram vendidas cerca de cinco mil francesinhas até esta quinta-feira, 29 de setembro. E a boa notícia é que o recinto está instalado no Jardim Municipal de Oeiras até este domingo, 2 de outubro. 

À New in Oeiras, o organizador do festival, Francisco Freixinho, destaca aquela que é a verdadeira surpresa do evento: “A francesinha vegan tem feito um enorme sucesso. Representa, nesta primeira semana, um quarto das vendas das francesinhas no restaurante que as serve, que é o Santa Francesinha. Normalmente vendem-se umas 250 e até agora já foram mais do dobro”. 

Caso prefira esta opção por não comer carne ou tenha curiosidade em experimentar, saiba que a francesinha vegan é feita com pão de forma, cogumelos Portobello, tomate grelhado, cebola grelhada, bifinhos de seitan, queijo vegetal, chouriço de soja, curgete, salsicha vegan, com molho 100 por cento vegan. 

A terceira edição do festival no concelho de Oeiras trouxe algumas novidades como, por exemplo, a possibilidade de comer uma francesinha feita num forno a lenha. Esta opção é mais cara, mas vale a pena experimentar. As francesinhas vegetarianas, vegans e no forno a lenha custam 12€, enquanto as tradicionais têm o valor de 10€, em qualquer um dos restaurantes. 

Outra das novidades deste ano é o aumento do número de espaços presentes onde pode provar o prato típico. Todos do norte, são eles: Alfândega D’ouro, Cufra, Alicantina, Santa Francesinha e Taberna Portuense.

A entrada é totalmente livre e só paga o que comer. Assim que chegar ao recinto, dirija-se à caixa central para pagar e depois é só escolher que restaurante quer experimentar.

“No último fim de semana tivemos alguns problemas, muitas filas, houve uma grande afluência de pessoas e infelizmente maior tempo de espera. Estava a acontecer o Festival dos Balões aqui perto e trouxe mesmo muita gente. Mas já fizemos um reforço das caixas e estamos preparados para os últimos dias”, garante Francisco Freixinho. 

Caso esteja a planear passar por lá este fim de semana, pode fazê-lo em dois períodos: do meio-dia às 15 horas, e das 19 às 23 horas. Siga a página de Facebook do Festival de Francesinhas para ir acompanhando as novidades. 

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA