comida

Já pode provar a receita original das francesinhas d’O Senhor António

Há outras novidades no menu do restaurante de Barcarena. Fique a par de tudo antes de ir até lá prová-las.
É de ficar com água na boca.

Marco Paiva decidiu abrir o restaurante O Senhor António no início da pandemia, em 2020. O restaurante já estava na família desde 1973, era a antiga cervejaria do avô, o tal senhor António, que Marco decidiu homenagear neste espaço, então recuperado e transformado num spot mais moderno e acolhedor.

O empresário de 29 anos começou ainda na adolescência a trabalhar na área da restauração. Passou pela copa, foi ajudante de cozinha, empregado de mesa, barman e gerente em diversos restaurantes, até que quis ter um negócio próprio. Quando decidiu recuperar este espaço, que esteve durante alguns anos alugado a terceiros, já sabia exatamente que conceito iria explorar: os petiscos. O Senhor António assumiu-se, então, como um spot com várias iguarias para picar e partilhar com amigos, como tábuas de queijos e enchidos, mas também com pratos para comer individualmente.

Ao longo destes dois anos de portas abertas, o restaurante conquistou clientes fiéis, mas Marco acredita que, para crescer, há que estar constantemente a inovar e a surpreendê-los. Por isso, para este verão lançou novos pratos, mas há uma grande surpresa no menu: a francesinha.

“É uma receita criada por nós, diferente da tradicional”, conta Marco à New in Oeiras. “A francesinha foi uma introdução face à minha história com a culinária e o tempo que passei em Paris como emigrante”, revela. O chef, e responsável do espaço, deu o seu toque pessoal: substituiu o pão de forma por bolo do caco — o pão de eleição d’O Senhor António, muito utilizado em outros pratos do restaurante, como os pregos. 

“Retirámos a salsicha fresca de forma a não ficar um prato tão pesado, usamos linguiça, juntámos o nosso bife de fillet mignon, o mesmo dos nossos pregos, e substituímos o queijo que normalmente se coloca nas francesinhas, por um queijo francês, que derretido no forno fica muito bom, uma mistura de sabores incrível com o nosso molho caseiro. No fim, juntamos o presunto crocante cura de nove meses, com o ovo frito estrelado”, revela o responsável.

É esta a fórmula de sucesso que tem recebido bastantes elogios por parte dos clientes. Até o tipo de batatas fritas, que vêm a acompanhar, é diferente. Em vez dos tradicionais palitos, são de formato redondo.

“O restaurante sempre teve os pregos no bolo do caco como referência, então refizemos a francesinha ao nosso gosto, e tem arrancado alguns sorrisos quando a provam”. A francesinha, reinventada por Marco Paiva, foi lançada no final de julho e tem sido um sucesso. O prato tem o valor de 13,75€. 

Além desta receita, que tem sido a estrela da casa, há outras novidades no menu. Nas entradas foram introduzidos os cogumelos salteados com alho francês e limão (6,55€) e o croquete Popeye, com espinafres e queijo Ricotta (2,70€). No que diz respeito aos pregos, foi acrescentada uma opção com carne branca: O Ilhéu, com frango, molho de cenoura e pepino e folhas de rúcula selvagem (5,45€). Foi lançado também um menu para os miúdos, onde podem optar por um preguinho no pão (4€) ou no prato (6,75€), um bife de frango no caco (3,50€) ou no prato (6,25€).

Quanto às sobremesas novas, experimente a tarte de maçã com gelado (4,95€) ou o carpaccio de salame (4,95€). Se preferir, pode escolher uma que já existia e que tem imensa saída: bolo do caco com Nutella (2,50€). 

O Senhor António é o sítio ideal para almoçar ou petiscar com a família e amigos ao final da tarde, num momento descontraído e de convívio. “Temos uma esplanada com melhores condições, mais lugares sentados, muitas plantas e natureza, ouvem-se os passarinhos a cantar e temos boa música ambiente. Consideramos que somos diferentes pela forma como recebemos os nossos clientes e por mantermos a ideologia de que O Senhor António é uma casa de todos, para todos”, garante Marco, que deixa assim um convite a quem ainda não foi visitar o espaço. 

Neste momento, o restaurante só tem carta em formato digital, por considerar mais higiénico em termos de segurança alimentar. O cliente pode aceder através de um QR Code. Além do menu, nesta nova plataforma vai encontrar as novidades gastronómicas do espaço, futuros eventos, pode efetuar uma reserva, consultar as redes sociais e muito mais. Vai gostar de saber que o espaço também faz entregas através da Uber Eats.

Carregue na galeria para conhecer o espaço e alguns dos pratos que pode provar no restaurante. 

ver galeria

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua António Cremer 9
    2730-016 Oeiras
  • HORÁRIO
  • Terça a quinta e domingo das 12h30 às 23h
  • Sexta e sábado das 12h30 às 24h
PREÇO MÉDIO
Entre 10€ e 20€
TIPO DE COMIDA
Portuguesa

MAIS HISTÓRIAS DE OEIRAS

AGENDA