comida

Cookoo: o kitchen hub já entrega refeições em algumas zonas do concelho

Algés, Miraflores, Carnaxide são algumas das novas áreas abrangidas pela plataforma.
Disponível para almoços e jantares.

A Cookoo, a plataforma de entrega de comida ao domicílio, alargou o raio de delivery. Agora já chega a casas na zona do Restelo, Algés, Miraflores, Linda-a-Velha, Carnaxide, Queluz e Ramada. Esta é a segunda zona de entregas da marca.

O serviço estava disponível sobretudo na zona mais central de Lisboa até Alcântara, abrangendo ainda parte de Alfragide, Amadora e Odivelas. A Cookoo tem disponíveis oito restaurantes, que podem ser pedidos isoladamente ou em simultâneo, numa só encomenda. Rosita, Tortto, MOM, Crudo, Zao, Inocente são alguns dos projetos associados.

A Cookoo está instalado na zona do Alto dos Moinhos, em Lisboa. É também possível passar por lá e levar o jantar em modo take-away. Manel Perestrelo, responsável pelo Salmora, no Algarve, pelo Moço dos Croissants e pelo Qura, ambos em Campo de Ourique, em Lisboa, é o chef executivo deste projeto.

Criou a carta dos quatro conceitos que estão disponíveis para encomendar. Na Rosita há tacos de atum com maionese de sésamo ou de frango com queijo cheddar (desde 8,10€). Depois tem o Crudo com ceviches de salmão e atum (a partir de 7€).

Crunchy Garden Nuggets também estão disponíveis.

Há ainda Tortto, com propostas italianas, como pastas, pizzas, lasanhas (desde 8,50€). Tem também o Zao, com sugestões japonesas. Há combinados com niguiris e sashimi com atum, salmão e peixe branco (desde 14,90€). Tem ainda bebidas e várias sobremesas para experimentar.

Para a sobremsa experimente os gelados da Ben & Jerry’s, custam a partir de 3€.

As encomendas podem ser feitas através da app ou do site. O custo de entrega de 1,95€ na zona 2, para a zona 1 não existe qualquer custo associado. Está disponível para almoços e jantares, com entregas entre o meio-dia e as 15 horas e das 19 às 23 horas.

tags: Algés, cookoo, entrega ao domicílio, linda-a-velha, miraflores, novidade nio, oeiras

outros artigos de comida

mais histórias de Oeiras